NOTICIAS GOSPEL PRIME

23/09/2018

0

Os judeus que se organizaram em torno dos planos de reconstrução do Templo de Jerusalém estão comemorando o nascimento da primeira novilha vermelha adequada para o ritual de purificação dos judeus, sem manchas ou pelos de cores diferentes.

A novilha nasceu em Israel em uma fazenda sob os cuidados do Instituto do Templo, que ao longo dos últimos anos se dedicou a preparar todos os itens necessários para o ritual. Faltava apenas o animal, que nasceu de um programa veterinário dedicado a esse fim.

No versículo 2 do capítulo 19 do livro bíblico de Números, a novilha vermelha é citada como necessário para o sacrifício: “Este é o estatuto da lei, que o Senhor ordenou, dizendo: Dize aos filhos de Israel que te tragam uma novilha ruiva, que não tenha defeito, e sobre a qual não tenha sido posto jugo”.

Em quase mil anos, durante o tempo em que o primeiro e o segundo templos em Jerusalém estavam de pé, apenas nove animais com essas características foram encontrados e usados no ritual. Para muitos judeus, dada a raridade dos animais, a décima só surgiria quando o Messias estivesse à frente do povo, segundo informações do Breaking Israel News.

Devido às leis que restringem a importação de gado vivo para Israel, o Instituto do Templo importou embriões congelados de bois da raça red angus, implantando-os em vacas domésticas israelenses. As vacas prenhes foram criadas em fazendas de gado em diferentes locais do país. As vacas estão dando à luz nesta estação, com vários bezerros já nascidos.

Uma semana depois do nascimento, a novilha recém-nascida foi certificada por uma junta de rabinos como cumprindo todos os requisitos bíblicos. Os rabinos enfatizavam que a novilha poderia, a qualquer momento, adquirir uma mancha que a tornasse inadequada. Eles estarão inspecionando o bezerro periodicamente para verificar sua condição.

A novilha vermelha foi o principal componente do processo de purificação ritual da impureza da religião judaica, que resulta da proximidade ou do contato com um corpo morto. Porque os elementos necessários para esta cerimônia têm faltado desde a destruição do Segundo Templo, todos os judeus hoje são considerados ritualmente impuros, impedindo assim o retorno do culto no Templo.

Ao longo dos últimos anos, várias novilhas foram encontradas e, numa primeira análise, pareciam se qualificar, mas, em última análise, eram impróprias para o ritual. No início deste mês, dois bezerros nascidos em Israel no programa de criação do Instituto do Templo foram considerados inadequados para o cumprimento da mitzvah. Um dos bezerros era um touro, enquanto o segundo, uma novilha, tinha um pequeno pedaço de pelo branco que a desqualificava, informou o portal Breaking Israel News.

Em 2017, um rabino encontrou uma novilha vermelha na Califórnia e se espantou, por sempre ter ouvido a respeito da raridade do animal. Benny Hershcovich, no entanto, disse que sentiu-se desqualificado para determinar se esta novilha, particularmente, cumpriria os requisitos da Torá. “Independentemente de seu status, apenas o fato de ver algo que era parte integrante do Templo e da história judaica, já foi realmente magnífico. Fiquei simplesmente ‘hipnotizado’ ao ver essa novilha”, afirmou na ocasião.

Confira o vídeo divulgado pelo Instituto do Templo de Israel:


Assine o Canal

Profecias

Para os judeus, somente a construção do Terceiro Templo poderia restabelecer a condição de adoração perfeita a Deus, mas para isso, alguns rituais da religião tem que ser cumpridos. E um dos principais, a purificação dos sacerdotes, não pode ser feita sem as cinzas de uma novilha vermelha, conforme descrito no livro de Números.

Os líderes judeus vivem atentos a alguns sinais que, dentro de sua tradição, significaria o surgimento do Messias, uma vez que eles não reconhecem Jesus como o Filho de Deus. O nascimento de uma novilha vermelha fez a comunidade judaica – e também os cristãos – especularem sobre o início do fim dos tempos.

Em 2014, outra novilha vermelha havia nascido em Israel, fato que não era registrado desde o ano 70 d. C., com o animal sem defeitos, conforme exige o texto sagrado. A raridade do animal fez com que os envolvidos a transportassem para os Estados Unidos, para ser criada em segurança.

“O papel do Terceiro Templo para toda a humanidade traz a visão messiânica do futuro: o chamado para viver uma vida eterna, liberado da farsa e da infelicidade que é a condição atual de tantas pessoas. A ordenança divina da novilha, que está além do alcance frágil do intelecto humano, com todos os detalhes de sua preparação e cerimônia, chama a Israel e a todos os que procuram agarrar-se a Palavra Viva do Deus de Israel: purifiquem-se”, dizia um trecho do comunicado do Instituto à época.

Em outras situações, animais que carregavam a mesma expectativa, foram mortos por judeus que temiam que a realização dos rituais acirrassem os ânimos com os palestinos, afinal, o Terceiro Templo teria que ser construído em Jerusalém, cidade que hoje tem seu território dividido com muçulmanos e cristãos, no local onde hoje está edificada a mesquita Al-Aqsa, conhecida como Cúpula da Rocha.

A construção do Terceiro Templo é descrita no Apocalipse como um dos eventos que caracterização o reinado do anticristo, já na Grande Tribulação, após o arrebatamento da Igreja de Cristo, de acordo com uma das linhas interpretativas do texto sagrado.

0 Comentários

Adicione um comentário

Aplicativos


 Locutor no Ar

Jesus é a Saída

Louvor Gospel

Peça Sua Música

Name:
E-mail:
Seu Pedido:


Top 5

01.

Anderson freire

Raridade

02.

Bruna Karla

Advogado Fiel

03.

Aline Barros

Casa do pai

04.

GABRIELA ROCHA

LUGAR SECRETO

05.

HELOÍSA ROSA

PAZ

Anunciantes